O senador Romário foi designado pelo presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, para ser o relator do Projeto da Lei 2.336, a chamada Lei do Mandante, que pode ser apreciado nos próximos dias pela Casa. O texto já foi aprovado na Câmara.

Interlocutores dos clubes de futebol que integram as séries A, B, C e D do Brasileirão estão felizes com a indicação do ex-jogador para a relatoria.

“Romário é visto pelos clubes como alguém que sabe que a nova lei modernizará a gestão do futebol no país o que beneficiaria clubes e atletas, aumentando a receita das transmissões”, diz um interlocutor do grupo de clubes mais mobilizado em torno da proposta.

Especialmente interessadas estão as equipes das Séries B e C que subirão (para A e para a B, respectivamente), pois, a grande maioria destes times não tem contratos para a transmissão de suas partidas, negociação que será facilitada agora, assim que o projeto for aprovado.