O presidente Jair Bolsonaro parece perdido na tradicional transmissão ao vivo que realiza toda quinta-feira nas redes sociais. Há pouco, ao criticar o isolamento social e defender que o povo retome atividades normais, disse que “pior que uma decisão mal tomada, é uma indecisão”.

A decisão “mal tomada” de Bolsonaro é mandar o povo para a rua trabalhar e aglomerar como se não morressem por dia mais de 2.000 brasileiros e com se as filas nas UTIs não estivessem em situação alarmante. Mas, para ele, como presidente da República, o pior é a “indecisão”.

O leitor pode tirar as próprias conclusões.

 

Continua após a publicidade