O Ministério Público do Rio Grande do Sul está doando celulares, tablets e laptops para que alunos carentes da rede pública de ensino do Estado possam manter os estudos de maneira remota durante a pandemia. Os equipamentos doados foram apreendidos durante operações policiais.

Os celulares passam por conserto e manutenção antes de serem doados às crianças. O projeto já recuperou pelo menos 1,3 milhão de celulares desde o ano passado. Só em maio, 290 celulares foram recuperados no programa.