Festival “Porto Alegre em Cena” deste ano terá programação mista, com atividades presenciais e on-line

bailey aschimdt
bailey aschimdt

Com realização confirmada para o período de 19 a 31 de outubro, a 28º edição do festival “Porto Alegre em Cena” terá uma programação mista, com apresentações presenciais e outras à distância, em formato on-line. O evento realizado pela Secretaria Municipal da Cultura (SMC) é um dos mais tradicionais da capital gaúcha no segmento.

Com a temática “Existe Uma Cidade Sobre Nós – Território, Memória e Futuro”, serão exibidas instalações de caráter urbano e humanizado, refletindo uma visão especial sobre as cidades em perspectiva de futuro. São atrações das mais variadas, em modalidades como teatro, dança, música e afins.

“O projeto respeita os protocolos indicados por autoridades referentes ao isolamento social e pretende transformar plataformas on-line, ruas, teatros e galerias de arte em palcos”, ressalta a prefeitura. “Seguindo a premissa do ano passado, o evento terá atrações concebidas a partir de intervenções em espaços públicos para espectadores que permanecerão dentro de casa nas janelas, nos ônibus ou no trânsito.”

Diferentes plataformas (Zoom, Instagram e WhatsApp, dentre outros) serão utilizadas para transportar o público para diversos espaços culturais. Apresentações locais, nacionais e internacionais terão transmissão pelo site e canal oficial no site de vídeos Youtube.com, sem perder o vínculo com as ruas de Porto Alegre.

Atrações internacionais

Um dos destaques estrangeiros é a montagem espanhola “Museu da Ficção I: Império”, criada por Matías Umpierrez. A atração será dominada por apelos visuais em um diálogo sobre o deslocamento que a ação dramática pode provocar em um sistema museu-coleção-conservação-exposição-tempo.

Também foi confirmada a participação do artista Xadalu Tupã Jekupé, que criará uma obra exclusiva para o festival. Outro nome em foco no segmento é Jaider Esbell, artista, escritor e produtor cultural indígena da etnia Makuxi, com a instalação “Entidades”.

Além disso, a programação do Inclusão em Cena volta a promover acesso de crianças e jovens em situação de vulnerabilidade social aos espetáculos e ações ao longo do evento.

Grupos e artistas locais

Com o objetivo de selecionar propostas de trabalhos artísticos – inéditos ou não – para serem apresentadas em espaços públicos e em plataformas digitais, o “Porto Alegre em Cena” abre inscrições para artistas, grupos e companhias locais. As inscrições podem ser feitas nas categorias “Performances Urbanas” e “Performances Digitais”, até 25 de julho.

Mais informações sobre o evento e acesso ao formulário de inscrição estão disponíveis no site oficial do evento: portoalegreemcena.com.

(Marcello Campos)

Compartilhe esse Artigo