Os líderes dos países-membros do Brics (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul) enfatizaram, em comunicado, a importância da estabilidade de suas economias para alcançar a recuperação e a estabilidade global, depois da crise causada pela covid-19. A nota foi divulgada após reunião virtual dos líderes, realizada nesta quinta-feira, 9.

Dados os esforços para fortalecer a cooperação entre os países para um crescimento econômico “forte, sustentável, equilibrado e inclusivo”, foi incentivada a troca de experiências políticas entre os membros.

Os líderes reforçaram a importância de implementar a estratégia de Parceria Econômica do Brics 2025, que tem como objetivo promover uma “cooperação econômica pragmática e estabelecer uma parceria econômica mais estreita”, segundo o grupo.

O Brics também enfatizou a necessidade dos esforços conjuntos para facilitar um ambiente propício para aumentar o comércio, especialmente o de maior valor agregado, entre os países-membros.

Foi reconhecida, ainda, a importância de fortalecer o mecanismo de Arranjo Contingente de Reservas, que visa dar apoio macroeconômico para os membros em eventuais cenários de crise.

Através do comunicado, reforçaram que a comunidade internacional tem responsabilidade coletiva no combate conjunto à covid-19.

O grupo reafirmou seu compromisso em dar continuidade aos esforços para apoiar países no combate à pandemia, através de financiamentos, doações, produções locais e exportações facilitadas de vacinas.

À Organização Mundial da Saúde (OMS), o Brics contribuiu com mais de 1 bilhão de doses do imunizante contra a covid-19 por meio do programa Covax Facility, pontua o documento.

Conheça o plano de ação da XP para você transformar os desafios de 2022 em oportunidades de investimento.

The post Para Brics, estabilidade de próprias economias será crucial na recuperação global appeared first on InfoMoney.