O MP (Ministério Público) gaúcho recebeu, na segunda-feira (16), 18 celulares restaurados pela Unijuí para serem colocados à disposição de estudantes da rede pública de ensino em situação de vulnerabilidade social.

Onze aparelhos serão destinados à Secretaria Municipal de Educação de Horizontina e sete para a de Rio Grande.

Na terça-feira (17), o MP recebeu mais 63 celulares doados pela empresa John Deere, sendo 44 aparelhos novos e 19 encaminhados para conserto na Unijuí. Eles também serão destinados aos alunos da rede municipal de Horizontina.

“Com o apoio da comunidade e, especialmente, de entidades como Rotary Club e empresa John Deere, que são parceiras da Promotoria de Justiça na busca do aperfeiçoamento da rede de proteção no desenvolvimento dos direitos das crianças e adolescentes da cidade, conseguimos destinar aparelhos para todas elas, permitindo assim que possam acessar as aulas e realizar as atividades escolares no seu domicílio”, disse a promotora de Justiça de Horizontina, Bruna Maria Borgmann.

A doação dos celulares faz parte do Projeto Alquimia II, que destina smartphones apreendidos na rede prisional e em ações criminosas a estudantes da rede pública de ensino.