Interlocutores da cúpula do Exército classificam de “totalmente inusitado” o desfile de blindados que a Marinha irá realizar nesta terça-feira em Brasília para entregar um convite a Jair Bolsonaro que poderia ser enviado até por e-mail.

“É a primeira vez que vemos isso. Da parte do Exército, ninguém participará. É totalmente inusitado. Coisa da Marinha com o Braga Netto”, disse um militar ao Radar.

“Nesta terça-feira (10/8), pela manhã, comboio com veículos blindados, armamentos e outros meios da Força de Fuzileiros da Esquadra, que partiu do Rio de Janeiro, passará por Brasília, a caminho do Campo de Instrução de Formosa (CIF). Na oportunidade, às 8h30, no Palácio do Planalto, serão entregues ao Presidente da República, Jair Bolsonaro, e ao Ministro da Defesa, Walter Souza Braga Netto, os convites para comparecerem à Demonstração Operativa, que ocorrerá no dia 16 de
agosto, no CIF”, diz o comunicado da Marinha.

A exibição de blindados na Praça dos Três Poderes em plena terça-feira é o segundo movimento de exibição de força protagonizado por Braga Netto neste mês. Há alguns dias, sem Bolsonaro, o general que comanda a Defesa foi ao Comando do Leste visitar tropas do Exército especializadas em intervenção federal.

“A Operação Formosa tem o propósito principal de assegurar o preparo do Corpo de Fuzileiros Navais como força estratégica, de pronto emprego e de caráter anfíbio e expedicionário, conforme previsto na Estratégia Nacional de Defesa. Este ano, a Operação Formosa envolverá mais de 2.500 militares, da Marinha, do Exército e da Força Aérea, que simularão uma operação anfíbia, considerada a mais complexa das ações militares, empregando mais de 150 diferentes meios, entre aeronaves, carros de combate, veículos”, segue a Marinha.