O discurso golpista de Jair Bolsonaro no 7 de setembro não amedrontou o Congresso ou o STF, mas serviu para estressar o país a ponto de igualar os brasileiros a cidadãos de outras nações assoladas pelo atraso, como Congo e Guatemala.

Dados do Google sobre as buscas realizadas na plataforma, nas 24 horas seguintes ao discurso de Bolsonaro sobre Conselho da República, mostram que as consultas pelo tema subiram 4.300%.

Em segundo lugar na lista de termos mais aquecidos entre terça e quarta ficou “estado de sítio”. As consultas pelo termo cresceram 2.000%. Com o maior interesse dos brasileiros pelo assunto, o país ficou em terceiro lugar entre as nações que mais buscaram por estado de sítio em todo o mundo, ficando atrás somente do Congo e da Guatemala.

As buscas pela pergunta “o que é Conselho da República” cresceram 3.550% e a frase foi uma das dez dúvidas mais buscadas no Google no país.