O estado de São Paulo registou nesta segunda-feira, 23, a menor taxa de ocupação de leitos de UTI por pacientes da Covid-19 desde novembro de 2020 — 39,6%.

Nenhuma das 645 cidades paulistas está com 100% de lotação nas UTIs, o que não acontecia desde abril de 2020. Há cerca de 7.500 pessoas internadas em enfermarias e em leitos de terapia intensiva.

Os bons resultados ocorrem em razão do avanço da vacinação — São Paulo já vacinou 70% da sua população com aos menos a primeira dose. A imunização de adolescentes começou na semana passada. Já podem receber o imunizante jovens de 16 e 17 anos com comorbidades, deficiências, grávidas e puérperas.

No domingo, 22, o estado registrou a menor taxa média móvel de casos desde 1º de janeiro, com 6.302,60. Já o índice de mortes chegou a 232,6, o menor desde 24 de dezembro. A média móvel é calculada levando-se em conta os números dos últimos sete dias e é utilizado por VEJA para evitar distorções.