O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) participou neste domingo, 8, de mais uma “motosseata”, a segunda do fim de semana, desta vez em Brasília. Apoiadores do presidente se concentraram deste a manhã em frente ao Palácio do Planalto, na Praça dos Três Poderes. Bolsonaro voltou a provocar aglomeração ao posar para fotos ao lado dos seguidores, quase todos sem máscara.

O passeio de moto teve trechos transmitidos ao vivo nas redes sociais do presidente. Por causa da manifestação, parte do Eixo Monumental permaneceu fechada para o trânsito de carros. Além de algumas das principais ruas da capital federal, o trajeto incluiu ainda vias das cidades de Taguatinga e Ceilândia. Ao final, os participantes do ato retornaram para Brasília. O percurso foi encerrado na Esplanada dos Ministérios.

No sábado, 7, a “motosseata” aconteceu em Florianópolis, Santa Catarina. Na ocasião, ao chegar ao ponto de encontro, Bolsonaro afirmou que “querem decidir as coisas no tapetão no Brasil”, referindo-se à polêmica sobre as urnas eletrônicas. “Não pode ser dessa maneira. A democracia nasce do voto responsável e contabilizado”.

A expressão “no tapetão” é utilizada no futebol quando o resultado de um jogo é posteriormente questionado na Justiça. Nesta semana, foi enviado o pedido de um inquérito ao Supremo Tribunal Federal a respeito da disseminação de Fake News sobre a vulnerabilidade do sistema eleitoral.

(Com Agência Brasil)