SÃO PAULO – A economia dos Estados Unidos perdeu 140 mil postos de trabalho em dezembro de 2020, segundo relatório de emprego (conhecido como Payroll) divulgado nesta sexta-feira (8).

O resultado ficou bem abaixo da estimativa do mercado, que era de criação de 50 mil vagas de empregos no mês passado, segundo a mediana das projeções dos economistas do mercado financeiro compilada em levantamento da Bloomberg. Em novembro, foram criadas 245 mil vagas.

A taxa de desemprego se manteve em 6,7%; a expectativa era de que houvesse uma leve alta para 6,8%.

Já segundo o levantamento da Refinitiv com o mercado, a expectativa era de criação de 71 mil vagas de emprego e que a taxa de desemprego fosse para 6,8%.

Na quarta-feira, o Relatório de Emprego Privado da ADP surpreendeu negativamente, ao apontar corte de 123 mil vagas de trabalho do setor privado no mês passado, o primeiro fechamento de vagas desde abril. Economistas consultados pela Reuters projetavam abertura de 88 mil postos de trabalho no setor privado em dezembro. Os dados de novembro foram revisados para mostrar que 304 mil vagas foram criadas, em vez das 307 mil informadas inicialmente.

Quer migrar para uma das profissões mais bem remuneradas do país e ter a chance de trabalhar na rede da XP Inc.? Clique aqui e assista à série gratuita Carreira no Mercado Financeiro!

The post EUA perdem 140 mil postos de trabalho em dezembro, decepcionando expectativa de criação de vagas appeared first on InfoMoney.