Gislaine Pinto Lopes faleceu aos 34 anos, em Tramandaí, no Litoral Norte. Ela era contratada terceirizada no Hospital Fêmina e fazia curso de técnico em enfermagem no Grupo Hospitalar Conceição. Gislaine Lopes, funcionária do Hospital Fêmina e estudante do curso técnico de enfermagem, faleceu no Litoral
Reprodução/Facebook
Uma funcionária terceirizada do Hospital Fêmina, em Porto Alegre, morreu nesta quinta-feira (3) vítima do coronavírus, em Tramandaí, no Litoral Norte.
Gislaine Pinto Lopes tinha 32 anos e trabalhava no setor administrativo. Ela também era estudante do curso de técnico em enfermagem no Grupo Hospitalar Conceição, que publicou nota de pesar.
“Jovem, cheia de luz e muito querida por todos, a Gisa lutou bravamente contra a Covid-19, mas infelizmente nos deixou na madrugada de hoje”, diz a nota. Leia na íntegra abaixo.
O marido de Gislaine, Cristian Ulquin, também ressalta a realização dela com o trabalho. Ele recorda que ela atuou como agente em saúde, em Tramandaí, e decidiu fazer o curso de técnica para seguir ajudando as pessoas.
“Ela sempre teve amor ao próximo”, destaca. “No primeiro dia que ela foi baixar, ela me deu um abraço bem forte e me deu um beijo. ‘Amor, cuida do pai e da mãe também. E tu, tá bem?’. Mas eu não tava bem, tava com falta de ar também. Só que eu não queria que ela visse”, recorda o marido.
Os pais de Gislaine, que também tiveram diagnóstico para o coronavírus, estão em recuperação. Foi cuidando da mãe, em novembro, que ela teve piora nos sintomas e precisou ficar 15 dias na UTI antes de falecer.
“Eu olho pra rua assim e, sinceridade, acho que ela foi numa venda, que tá vindo de carro. Eu não tô acreditando que eu enterrei minha mulher ali, em um caixão fechado, envelopado. Sem poder dar um último abraço, sem poder olhar. Esta é a pior parte”, emociona-se Cristian.
“A gente tá muito triste porque ela queria muito fazer esse curso. É uma expectativa de melhora na condição de vida. Nunca faltou aula, era super-solidária com os colegas”, lamenta a coordenadora do curso, Dinara Dornfeld.
Ainda de acordo com a coordenadora, Gislaine não tinha comorbidades.
Nota de Falecimento
É com grande pesar que a Gerência de Ensino e Pesquisa do Grupo Hospitalar Conceição comunica o falecimento da discente do Curso Técnico em Enfermagem da Escola GHC Gislaine Pinto Lopes.
Jovem, cheia de luz e muito querida por todos, a Gisa lutou bravamente contra a COVID-19, mas infelizmente nos deixou na madrugada de hoje. Estamos entristecidos por não mais compartilhar da sua presença, entretanto muito orgulhosos de sua bravura. Seu exemplo nos motivará a seguir lutando.
Nesse momento, dedicamos nosso carinho e apoio à sua família e amigos.
Veja os destaques do RBS Notícias:
Initial plugin text